5 tipos de pedras para jardim que você precisa conhecer

Decoração 22 de março de 2019

5 tipos de pedras para jardim que você precisa conhecer

Jardins são ambientes de grande potencial estético. Seja em revistas de decoração ou em presença na própria casa, eles logo atraem os olhos. Mesmo que estejam lá apenas para embelezar, o sentimento de calma e tranquilidade passado é inevitável. Enquanto flores e outras plantas estão sempre presentes, outro aspecto que agrega muito a estes espaços são as pedras para jardim.

Ainda que, pelo menos a princípio, a grande preocupação de quem está dando vida a um jardim seja justamente as plantas, as pedras são mais um daqueles detalhes capazes de fazer toda a diferença no resultado. Jardins mais delicados, por exemplo, podem se beneficiar muito do uso de pedras menores e de cores neutras.

O tamanho do local também é um fator que pode influenciar na escolha das pedras para jardim. Os jardins delicados que citamos também costumam ser pequenos. Em casos como este, utilizar apenas um tipo de pedra ajuda a criar um ar ainda mais minimalista. Já nos espaços maiores, fazer uso de tipos diferentes é uma maneira de explorar a criatividade e deixar o ambiente mais variado.

Contudo, a escolha da pedra ideal não se resume ao tamanho. Por ser um material de custo reduzido, as opções de pesos, cores e formatos, além do próprio tamanho, são as mais variadas. É possível encontrar modelos completamente opostos em garden centers e até mesmo em algumas lojas de materiais de construção.

Para te guiar pelo extenso universo das pedras para jardim, o guia que trouxemos abaixo irá mostrar mais detalhes, vantagens e outras informações sobre estas peças de decoração. Além disso, vamos te apresentar também as 5 pedras que você precisa conhecer para fazer a melhor escolha. Confira!

Informações e dicas sobre as pedras para jardim

Pedras para jardim costumam ser utilizadas de duas maneiras distintas: construção de caminhos (placas de mármore, granito) e preenchimento de espaços em canteiros e vasos (pedra de rio, seixo natural, dolomita).

No primeiro caso, uma dica valiosa é cuidar com o conforto das pessoas que irão circular pela via. Para isso, evite fazer o complemento da passagem com pedras muito pequenas. Quem estiver vestindo chinelos e sandálias poderá ficar com as pedrinhas presas no calçado, causando enorme incômodo.

Já no segundo caso, a dica que temos para você é mais prática. Antes de efetivamente colocar as pedras no canteiro, procure aplicar uma manta geotêxtil no solo. Assim, você evitará que elas fiquem sujas, garantindo a beleza e autenticidade da estética da pedra.

Por que usá-las?

Para começo de conversa, por que decorar com pedras ao invés da própria grama, por exemplo? Existem algumas respostas, porém a mais evidente é a economia. Diferente das plantas, as pedras não precisam de cuidados periódicos como irrigação. Além da economia de dinheiro, preserva-se o tempo que seria gasto com esses cuidados.

Mais um motivo relevante para usar as pedras é a proteção que elas oferecem. Graças às suas propriedades, elas servem como uma camada adicional, mantendo a terra úmida e protegendo as plantas.

Camadas de pedras no lugar de camadas de terra também significa menos sujeira. Ter um jardim mais limpo, além de minimizar as chances de levar uma sujeira desnecessária para dentro de casa, faz com que ele seja elegante e pode aumentar o caráter minimalista.

5 tipos de pedras para jardim

Agora que você já conhece estas pedras um pouco melhor e viu dicas e motivos para fazer uso delas, conheça os 5 principais tipos:

Seixo

Normalmente encontradas em margens de rios, estas pedras são características por serem arredondadas e de tons beges e marrons. São uma ótima opção para quem quer dar um ar natural ao jardim e brincar com contrastes ao lado de cores claras.

Por serem encontradas sem dificuldades, são pedras baratas. O custo de um saco com 1kg não costuma fugir do valor de R$ 5,00.

pedras para jardim

Pedra de rio

A pedra de rio, como o próprio nome sugere, também é normalmente encontrada em rios e lagos. E as semelhanças não param por aí: as cores, assim como da seixo, são marrom e bege. Talvez a maior diferença entre as duas seja a incidência: a pedra de rio é mais comum e encontrada ainda mais facilmente.

Mais uma vez seguindo o exemplo da seixo, 1kg de pedra de rio tem o preço aproximado de R$ 5,00.

pedras para jardim

Dolomita

Você já deve ter se deparado com aquelas pedras brancas um pouco maiores que a pedra de rio e a seixo, certo? Provavelmente você estava olhando para uma dolomita. Estas belas pedras claras possuem uma textura mais regular, sendo destaque onde inseridas.

Seguindo o exemplo, também são pedras baratas. A única diferença é que são vendidas em sacos maiores, normalmente de 10 kg. O preço médio de um destes sacos é de R$ 25,00.

pedras para jardim

Argila expandida

Muito utilizadas em grandes vasos, as argilas expandidas são aquelas pedrinhas marrons, redondas e frias. São conhecidas por sua versatilidade: é comum vê-las nos mais diferentes lugares, indo desde os vasos até canteiros de decoração de shoppings.

Um pacote de 1kg de argila expandida custa cerca de 6 reais.

pedras para jardim

Mármore e granito

Enquanto todas as pedras para jardim citadas acima são de preenchimento, estas cumprem a função de formar caminhos. Tendo formato de grandes placas, estas pedras são coringa: suas cores normalmente neutras combinam com praticamente qualquer planta e outros objetos de decoração presentes.

Além disso, o mármore e o granito são pedras resistentes e não se desgastam com a ação de agentes externos, como a chuva e os raios ultravioletas.

pedras para jardim

Gostou das nossas dicas? Aproveite para nos seguir no Facebook e Instagram para ficar por dentro de nossas novidades!

Tags: , , ,

WhatsApp chat